A minha vida numa caixa de sapatos

Foi onde encontrei empacotado vinte e alguns anos de vida, numa caixa de sapatos arrumada num canto.
Cartas, postais, fotografias, o meu longo diário de treinos de alguns anos de remo, alguns desabafos, moedas estrangeiras que foram sobrando de viagens, bilhetes de cinema, teatro, concertos.
Encontrei sorrisos também.
O que mais me espantou foi que quase tudo o que de valor valia a pena guardar coube numa pequena caixa, de sapatos!
4 comentários

Mensagens populares